quinta-feira, 14 de junho de 2012

O que é Assistência Domiciliar?


Bom dia!
Minha atuação profissional é focada em atendimento de idosos tanto domiciliar quanto em clinicas. Em função dessa convivência, com os idosos e seus familiares, algumas duvidas e perguntas são muito frequentes. Separei algumas perguntas para tentar esclarecer.

O que é Assistência Domiciliar?
É um serviço de saúde desenvolvido no domicílio do paciente a partir do diagnóstico da realidade em que o mesmo está inserido, assim como seus potenciais e limitações. Visa à promoção, manutenção e/ou restauração da saúde e o desenvolvimento e adaptações de funções, favorecendo maior autonomia e independência.

Quais são as diferenças entre atendimento domiciliar e atendimento em clinica?

O Atendimento domiciliar possui uma maior consideração na dinâmica familiar, as reais necessidades da família e do idoso, nível de independência do mesmo e as características ambientais do domicílio. No ambiente do paciente é possível observar as mudanças de comportamento, que muitas vezes, a família queixa, assim como sua rotina , dificuldades e problemas no cotidiano.
O Atendimento em clinica o paciente se adapta ao lugar e suas normas, ao contrário do domicílio em que o terapeuta se adéqua ao paciente. A vantagem da clinica é que o paciente sai de casa da sua rotina, encontra com outras pessoas e socializa.
Aproveitando, eu atendo na clinica Unineuro no hospital Anchieta e recomendo a mesma pela excelência do corpo clinico www.unineuro.com


Qual é o melhor?
Não existe um melhor ou pior, depende do caso, se o paciente tem condições de se deslocar até á clinica é bom que ele faça isto. Mas, se tratando de idosos, eles possuem algumas limitações físicas e cognitivas, (privações sensoriais) que dificulta sua locomoção e dependem de filhos para levá-los.


Como é realizado o atendimento da terapia ocupacional domiciliar?
Atuação inicia-se com a avaliação (funcional, cognitiva e ocupacional) possibilitando o conhecimento de suas habilidades e limitações e a avaliação ambiental, buscando identificar situações/problemas e estratégias objetivando uma maior integração do idoso neste ambiente.
A Terapia Ocupacional é realizada na média de duas vezes por semana durante 45 minutos utilizando atividades de acordo com o objetivo terapêutico de cada paciente.
                                                   
Quais são as dificuldades deste tipo de atendimento?
Os idosos no inicio podem apresentar “certa resistência”
-se deparar com dificuldades, que antes não possuíam.
-Sair da rotina, apatia, movimentar.
-não sabem do que gosta ou se interessam.
 A aceitação acontece gradualmente com a criação do vínculo terapêutico (que acontece com período de 30) dias e quando o idoso compreende qual é o papel do profissional naquele ambiente.

.O que esperar de um tratamento com terapia ocupacional?
A terapia ocupacional busca através das atividades,
-Melhorar ou manter a memória, exercitar o cérebro e suas funções intelectuais.
-Manter o idoso ativo e participativo em atividades, se sentir útil.
-Melhora no humor e comportamento do paciente.
-Diminuição de comportamento inadequado, quando o paciente se ocupa.
 -Melhora da autoestima, independência  e  autonomia, quando percebe que é capaz de realizar a atividade.


Espero ter conseguido responder algum das dúvidas dos familiares, se você tiver algum questionamento, escreva no blog, telefone 061 92198380 ou e-mail maisa2112@yahoo.com.br. Tentarei responder da melhor forma possível.

Nenhum comentário:

Postar um comentário